quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

Alguém... sessenta?




Pelas ruas de Lisboa iluminada,na passada 3ª Feira, eram, talvez, meia centena de amigos que, gorro de pai-natal na cabeça e com muita alegria, correram pelas ruas da cidade decorada de luz, pelas sempre vistosas ornamentações natalícias. Foram 10 Km de puro prazer, numa feliz  iniciativa desportivo-turístico-solidária que não deixa ninguém indiferente. Um gorro por um brinquedo para a Casa do Gaiato. Parabéns aos promotores liderados pela Goreti Silva que registou muitos destes fantásticos momentos. 
Não haveria melhor maneira de gastar os "últimos cartuchos" antes de entrar nos 60.

O dia de anos é um dia igual aos outros. Desta vez calhou-me a mim. E logo para mudar os dois dígitos do meu "conta-quilómetros". Atingi os 60 em 60 anos! Mas foi tudo muito mais depressa do que pensava. Sem dar por isso. Corri muitos kms em muitos anos. Corri contra o tempo. E fiquei sempre com a sensação de que ganhei. Uma vida a correr sem chegar a lado nenhum, pois o objectivo não estava na meta mas no percurso que fui fazendo.
Lembramo-nos mais do dia de anos, pelo facto de, a todo o momento, haver alguém que se lembra de nos felicitar por um dia que, sendo igual aos outros, marca mais uma volta nesta esfera que nos foi dada para habitar e para usufruir dela como pudermos.
Surpreendentemente, fui presenteado com mais de 300 mensagens de parabéns de gente amiga! 
A todos agradeço do fundo do coração. Muito obrigado. A vida faz muito mais sentido quando estamos rodeados por tantos amigos.

7 comentários:

Sílvio Horta disse...

Parabéns! Que conte pelo menos mais 60... :)

Jorge Branco disse...

Eu estou a tentar lá chegar mas para já estou a ver se chego para o ano aos 55 que é um número bonito!
Mas uma coisa é a idade biológica outra a do nascimento e o amigo Fernando Andrade deve ter uns 30 anos biologicamente falando.
O Fernando Andrade, o Joaquim Adelino, O professor Mário Machado, o António belo e mais uns quantos, nem no escalão de veteranos deviam estar, são uns "putos" :) Um grande abraço.

Carlos Cardoso disse...

Muitos Parabéns, que goze muitos mais e dos bons.
Grande Abraço

tutta disse...

Parabéns Fernando.
Abraço e tudo de bom sempre.


tutta-Baleias/PR
www.correndocorridas.blogspot.com.br

Anónimo disse...

Parabéns Fernando, muitos e bons, muita saude e que continue com essa vitalidade. e que forma bonita de comemorar! um abraço. António Bento - o dito Tartaruga - agora mais nas lides das biciletas :)

Fernando Andrade. disse...

Caros amigos
Sílvio Horta, Jorge Branco, Carlos Cardoso, Tutta e António Bento, que amavelmente aqui deixaram palavras de felicitações, fico-vos muito grato. Que a vida vos traga tudo de bom.
Grande abraço.
FA

Filipe Torres disse...

"Corri muitos kms em muitos anos. Corri contra o tempo. E fiquei sempre com a sensação de que ganhei." Parabéns, e obrigado por partilhar connosco pérolas destas!