quarta-feira, 6 de novembro de 2013

10ª Maratona do Porto

A minha grande equipa ,ACB, sempre presente na Maratona do Porto
(foto de Sporting C. Casaínhos)

Com Ana Pereira e Aurora Cunha (Foto de.António Melro,  pai da Ana, que a acompanha sempre nas Corridas)
Adicionar legenda (Com Fernando Ferreira, José Capela e Luis Sousa Pires,
que ia fazer a  sua 100º maratona)-Foto de Leonor Duarte

Com Ana Pereira, João Hébil e Fernando Sousa (foto de António Melro)

Com Amélia e Xavier, Filipe Fidalgo, Ana Pereira, Vitor Veloso e Aurora Cunha (foto de António Merlro)

Com o Bráulio Hernandez, Ana Pereira, João Hébil e "meio" Fernando Sousa (foto de António Melro)
O nosso fotógrafo e amigo, António Melro, todo vaidoso com a filha

A Caminho da Afurada, quando o Paulo Pires já vinha de lá (a foto é dele)

A descer a Boavista com o amigo António Franco (foto do José Sousa)

Missão cumprida, com o Cláudio e o Tigre (foto do José Sousa)

Com o José Sousa e o "Comandante" Jorge Teixeira (foto da máquina do Sousa)

 Mui Nobre Sempre Leal e Invicta Cidade do Porto.  Gosto  muito desta  terra e do Douro “do vinho famoso”.  Do mar, da gente simpática e acolhedora.
E quando é dia de Maratona, então, tudo se intensifica e ganha poder sobre nós. E nós também ganhamos poder sobre a Cidade, pois gostamos que saibam que pertencemos ao número ainda reduzido de pessoas que enfrentam os 42 km.
Não vou escrever muito, pois em 10 edições, já muito disse sobre a Maratona do Porto  e estar a repetir…não vale. É que se adivinha o que não é dito perante a exuberância daquilo que se vê.  A Maratona do Porto é a MARATONA DO PORTO.  Bonita, grandiosa, afectuosa. E tem requinte. Quem lá vai não fica indiferente ao seu brilhantismo e conta aos amigos o que é que aconteceu no Porto. E quantos já perderam o medo da distância ao ouvirem relatos ou a verem as imagens? É a Festa.
E depois, até nos vêm buscar a Lisboa! E trazer! Mimados desta forma, só podemos estar muito gratos à Organização, pela forma como nos tem tratado.
A Runporto.com está de Parabéns por todo o trabalho e competência que tem tido e aplicado nesta Maratona que começou por ser sonhada e passou a ser uma Maratona de sonho.
Quanto à minha prestação, foi o que eu esperava. Quando há um mês, em Lisboa, fiz 3,52, prometi fazer no Porto menos 10 minutos. E fiz. 3,42. Sem relógio. Só sabia que os marcadores das 3,30 iam à frente e os das 3,45 iam atrás. Objectivo (que não era prioridade) cumprido.
Concluída a Prova, fiquei por ali, na zona de descompressão, um bom bocado, a desfrutar, a ver amigos e amigas que vinham chegando; a partilhar as emoções, a ver as expressões de felicidade de muitos estreantes,  expressões  que só se vêm atrás da Meta de uma Maratona. A “Meta”, que  é também uma porta de entrada no mundo fascinante e belo que acaba de ser descoberto.

Longa Vida à Maratona do Porto ( e a nós também, para que a possamos correr muitas vezes!)

6 comentários:

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

"...expressões que só se vêm atrás da Meta de uma Maratona..."

Há muitas provas, muitos desafios...mas a Maratona é sempre a Maratona!

E eu, que a corri, para além de partilhar tudo o que Fernando diz... acrescento que tive uma das melhores e mais ricas experiências da minha vida corrida (e esta foi a 5ª Maratona, por fim) e estou ainda a digerir um turbilhão de emoções que se atropelam em avalanche e não me deixam escrever nada que se aproxime sequer do que senti e gostaria de transmitir.

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

ah...e outra coisa. As "foto de..." são do António Melro, pai aqui da menina e que a persegue para tudo o que é prova ou treino! :)

Fernando Andrade. disse...

Muito obrigado, Ana. Eu sabia que o seu pai tinha tirado algumas, mas não sabia quais, por isso esperei pela dica, que muito agradeço.
Então e o "turbilhão", Ana?
Vá lá...há-de sair qualquer coisa (e já sei que boa), que depois começa a fluir.
Beijinho, Ana

Ajb disse...

Grande prova senhor Fernando .

como foi a minha estreia na maratona , eu fiquei ainda mais deslumbrado com o sonho concretizado :D

...ahh , e tambem quero dar os parabens á organização foi fantastica e pessoalmente pelos autocarros.
adorei a experiencia , mas não sei se volto á maratona , o alcatrão é terrivel para os meus joelhos !...mas siga a corrida e o desfrutar destes grandes momentos !

bem haja
Artur B

Jorge Branco disse...

Pronto lá tenho que vir eu dizer uma frase muito batida mas que é verdade absoluta: o amigo Fernando Andrade está como o vinho do Porto quando mais velho (eu diria antes mais jovem) melhor! E a maratona do Porto está na mesma!
Adorei essa técnica de precisão de correr sem relógio e entre os marcadores de ritmo das 3:30 e 3:45 tem que tirar a patente disso :)
Forte abraço.

JH disse...

Gand'a Fernando,

Na próxima vou contigo ...

Abraço.
João