quarta-feira, 22 de junho de 2016

Vai buscar!



Vinha atrás dele, o chato jornalista
De um jornal tão amigo da devassa,
Que o rapaz se passou e assim que avista
O cusco microfone, logo o caça.
E num lance certeiro, como artista
Que mais vezes acerta que fracassa,
Atira o microfone em desatino

Fazendo dele um micro…submarino.

8 comentários:

JoaoLima disse...

Grande poema!

Existem os jornalistas e os jornaleiros. Os jornalistas, infelizmente a escassearem, são os defensores dos factos e verdade, muitas vezes arriscando a sua própria pele. Os jornaleiros praticam o vale tudo, do qual o jornal visado é o maior exemplo. Não só em termos de devassa como de calúnia, inventando ou deturpando notícias, tudo em busca dum sensacionalismo que, lamentavelmente, muitos seguem, alimentando uma indústria pró-abutres!

Um abraço, Fernando!

Fernando Andrade. disse...

Obrigado, João, pelo teu comentário e pela opinião, que partilho.
Grande abraço.

Fernando

Jorge Branco disse...

Excelente como sempre e tive de me rir!
O João Lima já disse tudo mas eu posso acrescentar:não é uma atitude muita digna de um capitão de uma selecção nacional mas quando se está presença de jornalismo trauliteiro tem que se dar um certo desconto e entender que ninguém é de ferro e uma resposta igualmente trauliteiro até se entende.
(Mestre o "bicho" que ataca nos comentários continua por cá!)
Abraço.

Fernando Andrade. disse...

Obrigado, Jorge.
Quanto ao "bicho" malvado não sei o que fazer. Cumpri as suas instruções e instalei aquele anti-virus. Mas pelos vistos, o mal não ficou resolvido. Provavelmente, só com uma formatação do blogue é que fica bom.
Abraço.

j. Costa disse...

Muito bem Fernando Andrade , gostei á brava deu para rir mas ao mesmo tempo dar razão ao conteúdo!
Não foi uma atitude bonita mas porra..ninguém é de ferro e se fosse eu talvez manda-se o jornaleco , falta de classe e respeito por uma profissão que deixou de ter ética em beneficio de outros interesses.Um abraço e se me permite vou partilhar , pois só partilho o que tem interesse ..!

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Não é bonito e tal...devia ter outra postura, como capitão, e tal...tanto que se critica... e ...e se fosse connosco?! O rapaz lá deve ter tido as razões dele. Nós, o publicozinho, não sabemos nada! Ah ele é cagão, ah não tem nível...a malta vai atrás do que ouve, de um episódio, de uma imagem...muitas vezes até de um boato...e também de uma dor de cotovelo do tamanho do planeta Terra, e depois descarrega fel em cima do rapaz.

Como eu vejo as coisas: por certo tem as suas razões para a atitude que teve. É que o respeito, a liberdade, a consideração pelo trabalho do outro, etc e tal, é tudo muito bonito mas tem de ser dos dois lados. É que comportamento gera comportamento e pelo pouquísismo que sei, a história já vem de muito lá atrás.

Cá para mim, acho até a cena bastante cómica, tendo em conta os "abusos" de muitos jornalistas e especialmente a espécie de jornalismo (?) pela qual aquele orgão de comunicação prima.

Fernando Andrade. disse...

Amigo J. Costa
muito obrigado pelo comentário e pela partilha. Grande abraço.

Fernando Andrade. disse...

Olá Ana
Muito obrigado pelo comentário. Subscrevo o seu ponto de vista. A Atitude foi uma reacção e não uma acção. Têm-lhe feito a vida negra e depois estão à espera de quê? Beijinho.