segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Réquiem pelos 20 Km de Cascais






"O mundo é composto de mudança 
Tomando sempre novas qualidades..." (dizia o LVC)
Mas quando isso é à conta de "matança"
Talvez não houvesse necessidade. (digo eu)

Soube, hoje, que os 20 Km de Cascais, uma das clássicas do nosso calendário se finou, para dar lugar a uma nova prova, a Montepio Meia Maratona de Cascais!
Com todo o respeito por quem tem  legitimidade para tomar estas decisões, custa-me que não tenham sido ponderadas (ou, se foram, não transparece) as implicações que daí adviriam.
Os 20 Km de Cascais tinham atrás de si um historial próprio de mais de 30 anos. Passam, agora, a ser, apenas, o "percursor" da novel Meia Maratona de Cascais. A Vila deixa, assim, de ter uma das raras provas de 20 Km para passar a ter mais uma das já tantas meias maratonas que vamos tendo por aí. A singularidade dá lugar à trivialidade.
Se se pretendia que ali houvesse uma meia maratona... nada contra...pois que se fizesse! Mas isso não teria de implicar, necessariamente, a extinção de uma clássica com o prestígio que todos lhe reconheciam.
"Doutos varões darão razões subidas" para o sucedido, mas temo que não sejam suficientemente entendidas pelos milhares de fãs que os 20 Km de Cascais granjearam ao longo de décadas. Fica a dúvida se o sentimento de perda não irá prevalecer sobre o sentimento de conquista.
Desejo à competentíssima equipa da HMS Sports as maiores felicidades para organizar esta nova prova, mas não lhe consigo dar os parabéns por esta decisão.


7 comentários:

nuno cabeca disse...

Bem dito!
Pensei o mesmo quando vi...
Abraço,

Fernando Andrade. disse...

Obrigado, Nuno.
Não se percebe bem o que terá acontecido, mas custa um bocadinho a "encaixar".
Abraço

Jorge Branco disse...

Penso exactamente a mesma coisa que o Mestre Fernando Andrade! É triste!
Bem sei que a questão comercial tem todo o peso nos dias de hoje (que viva A Meia Maratona de São João das Lampas que é uma das poucas provas que resistem com uma organização amadora) mas não deixa se mesmo muito triste.
Não dava para os 20 km de Cascais serem "apadrinhados" / comprados por essa entidade bancaria mantendo-se toda a tradição da prova, e historia? Mas uma meia maratona para quê?
Por incrível que pareça nunca corri os 20 de km de Cascais e ainda mantinha a remota esperança de um dia os conseguir fazer. Agora essa nova meia maratona é coisa que não merece o meu esforço pois não tem nem passado e tradição e eu para correr com dorsal só por motivos muito especiais! Um abraço. Mestre.

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Sentimento partilhado em absoluto!

JoaoLima disse...

Indo em contra-ciclo à maioria das opiniões, compreendendo e respeitando as suas razões, mas sou 100% favorável a esta mudança a qual já preconizava há vários anos. Meia-Maratona e Maratona são duas distâncias com objectivos muito especiais pela maioria do pelotão. E tal como seria frustrante participar numa prova com 40 km e sentir que se tinha ficado muito perto duma Maratona, nos 20 km fica a faltar um quilometrozito. Não considero que os 20 Km de Cascais tenham sido extintos/mortos mas sim que foram beneficiados com uma melhoria. Muitas mudanças são para pior, na minha modesta opinião esta foi para melhor. Continua o mesmo tipo de corrida e ambiente mas sendo Meia em vez dos 20 km, apenas isso. Ironicamente, e depois de desejar tanto esta mudança, não irei poder participar por fazer a Maratona de Sevilha uma semana antes. Mas garantidamente irei marcar presença a aplaudir os atletas e esta boa alteração. Como disse, é a minha modesta opinião. Um abraço a todos :)

Fernando Andrade. disse...

Amigo João Lima, podes considerar que os 20 Km de Cascais não morreram, que apenas lhe foi ajustada a distância, que foi melhorada...enfim, o que se quiser, mas a verdade é que nunca mais vais chamar *a nova corrida "20 Km de Cascais". É outra prova aquela que a veio substituir. Se perdeu a identidade, na minha opinião, deixou de existir independentemente do facto da Meia Maratona de Cascais poder ter um sucesso ainda maior. A Corrida continua, mas os 20 Km de Cascais desapareceram, deixando, no entanto, um honroso pecúlio na História das Corridas em Portugal. Abraço.

Alexandre Duarte disse...

Comecei a correr em provas 'populares', como a 20 kms de Cascais, Corrida do Tejo, Fogueiras, Sinos, Nazaré, etc. Desde que conheci os Trilhos apenas mantive a Nazaré, por razões sentimentais, mas sinto alguma tristeza por saber que pouco a pouco, os valores que colocavam essas provas em pé e que grangeavam milhares de participantes, vão sendo preteridos por outros, que pouco têm a ver com o desporto.