terça-feira, 15 de novembro de 2016

10ª Prova do ano : 13ª Maratona do Porto


"Ser totalista é ter na alma a chama imensa..."


Com dois ícones: o criador da Prova, Jorge Teixeira, e uma das suas mais activas colaboradoras e também totalista, Conceição Grare
No princípio, tudo bem. (Foto J.Margarido)
Na Ponte D. Luiz (Já bufava) (Foto Zé Lopes)
A 200 m da meta (foto C.Lopes) já depois da "tormenta"

A 13ª Maratona do Porto realizou-se no passado dia 6 do corrente.
Bem sei que ainda não disse nada, mas a verdade é que ainda não parei de pensar nela. E para não estar com rodeios, porque senão ainda não é desta, aqui vai:
Partida. Procurei controlar o andamento, pois sabia que não estava preparado, mas aguentei-me até aos 39 Km. A partir daí, passou o marcador das 4h e desmoralizei um bocadinho, ao mesmo tempo que comecei a sentir dores nos gémeos. No abastecimento dos 40 Km parei e pus-me a caminhar até aos 41. Com a ajuda psicológica do locutor que aí estava, recomeço a corrida e terminei com 4, 12.
Isso é o que resume a minha participação que, no fundo, será aquilo que menos interessa. 
Por outro lado, falar do que é objectivo, passados dez dias da prova, já outros o fizeram e bem. E não quero copiar ou repetir o que já foi dito. Do que li, nada era negativo. Antes pelo contrário, foram abundantes os merecidos louvores a uma Organização primorosa  Na verdade, a Maratona do Porto já nasceu grande. A Organização sabia que a tinha feito grande. Mas soube esperar, acrescentando aqui e ali, aqueles detalhes que fazem as diferenças, melhorando sempre onde já se pensava não poder melhorar, tratando os atletas como gostariam de ser tratados. Hoje é o que todos viram.

A RunPorto tem nas mãos uma aposta de grande envergadura internacional que nada fica a dever ao que de melhor se faz no mundo. Parabéns ao Jorge Teixeira e a toda a sua fabulosa equipa. Que sorte tenho eu em poder continuar totalista desta Maratona. 
A minha 75ª ficou, assim, registada em vídeo, em vários pontos do percurso e à chegada.  

1 comentário:

JoaoLima disse...

75 Maratonas!!!!! Que número mais impressionante! E totalista na grande Maratona do Porto!

Muitos parabéns e força rumo às centésima!

Um abraço