segunda-feira, 12 de abril de 2010

28ª Corrida dos Sinos - Mafra




2010, o Ano do “Sino Amarelo”

A Corrida dos Sinos, é uma das clássicas em que marquei presença mais vezes. Faz parte do meu “histórico” de corredor de pelotão, pois é uma corrida bonita, bem organizada, tendo o seu ponto alto no 1º retorno junto à fachada principal do Convento (agora Palácio) de Mafra, que nos “transporta” ao Século XVIII. Uma obra do Magnânimo, relíquia do nosso património, que até faz esquecer que muitos passaram muito para a pôr de pé.
Mas deixemo-nos de “lamúrias” e falemos da Corrida.
Desta vez, até porque tenho feito “umas coisitas”, pensei em seguir um ritmo um bocadito mais forçado, para testar a minha condição, apontando para uma marca na casa de 1,10.
O “tiro” da partida que se ouviu foi o som de uma sineta, dando sentido ao nome da Prova que, por razões a que não tive acesso, deixou de ter os carrilhões do vetusto convento, repicando à passagem dos atletas, como dantes acontecia. Talvez uma “caturrice” de quem acha que o “sagrado” do som dos sinos não deva contribuir para o “profano” de um evento desportivo. Hei-de, um dia, procurar esclarecer este caso.
Depois de um aquecimento de cerca de 15’ em que tive o prazer de me reencontrar com muitos amigos, posicionei-me próximo da linha da frente, pois sabia que, partindo de trás, a parte inicial da corrida seria muito compacta e de difícil progressão. Rapidamente comecei a correr e cedo deu para ver que muitos, vindos de trás, levavam uma passada que até me fazia confusão.
Sabia que após o retorno dos 8 km, o percurso seria a subir, pelo que tinha de dosear bem o esforço para não claudicar. Tempo de passagem aos 5Km 22,30. Era bom, mas sabia que não iria ser possível aguentar muito tempo, pelo que refreei um pouco. 10Km: 45,50! Afinal o “pouco” foi “muito”, pois 10”/km nota-se bastante. Comecei a fazer contas : ora…se fizer a 5’/km, são mais 25’! 25+46 = 1,11. Vou ter de me pôr a pau e…reagir. Km a Km olhava para o relógio e parecia-me que estava a conseguir, tendo, inclusive, aumentado o ritmo nos 3 últimos km. Terminei com 1,09,38 (1,09,30 t.real).
Gostei da minha prestação, que me fez crer que posso andar um bocadinho mais depressa. Mas é só se treinar, bem entendido.

P.S - O meu tempo foi de 1,09 ( e não 1,39. Foi o Miguel que me chamou a atenção. Esse era o tempo que eu gostava de fazer à Meia,eheheh)

11 comentários:

MPaiva disse...

Fernando,

Habituado a provas de outra dimensão, imagino que seja quase impensável terminar uma prova em menos de 1h10! De qualquuer forma foi isso mesmo que aconteceu, pelo que é justo partilhá-lo com todos os leitores deste magnífico blog! Vá lá, toca a deixar de modéstias, pois 1h39m para 15 Km não ficava lá muito bem para um corredor dessa estirpe!

Parabéns pela prova e um forte abraço
MPaiva

Fernando Andrade. disse...

Foi sem querer, Miguel.
Ao referir o meu tempo, troquei o zero pelo três e saíu asneira. Já fiz a rectificação.
Obrigado pelo reparo.
Abraço.
FA

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

bem que parecia que o Fernando tinha metido água... 1h39m.... não podia ser...

Tinha planeado ir aos Sinos mas o clube não indo, que foi o que aconteceu ao "meu", fica sempre mais complicado alinhar fora de casa, e deste vez não deu.

Beijinhos e muitos parabéns pelo resultado

Há que continuar, É tão bom ver resultados.

Fernando Andrade. disse...

Olá, Ana
Foi pena não ter vindo aos Sinos, este ano, até porque não é tão longe assim.Pois...1,39 !!!(nem sei como é que isto aconteceu, se o três está tão longe do nove).
Obrigado, pelo incentivo, Ana.
Vemo-nos na próxima (que não sei qual será).
Beijinho.
FA

José Xavier disse...

Caro Fernando;

É bom apontarmos para um objectivo e conseguirmos alcançar.
É sinal que conhecemos bem o nosso corpo e os nosso limites.

É pena ter-se perdido essa tradição de tocar os sinos. Afinal aquele carrilhão tem um som tão especial.

Parabéns.......e um abraço amigo

Xavier

Fernando Andrade. disse...

Amigo Xavier
É muito agradável correr por aquelas terras tão perto das suas origens.

Abraço.
FA

luis mota disse...

Olá Fernando!
Mais um belo exemplar para o teu “carrilhão”
Grande prova essa aí na tua terra. Parabéns pela participação extensiva a todos os que correram em Mafra.
Luís Mota

Vitor Veloso disse...

Olá Fernando
Esteve muito bem em Mafra os meus parabéns, mais um "Sino" merecidamente ganho para juntar aos outros e formar uma bela colecção.
"Sinos" era uma prova que gostaria de participar mas resolvi ir ate ao "Vale dos Barris".
Boa semana
Grande abraço
Vitor Veloso

Fernando Andrade. disse...

Amigo Luis

Quem não pode ir a Paris contenta-se em ficar por Mafra. E gostei muito. Parabéns pela excelente Maratona que fizeste.

Amigo Vitor
a ubiquidade continua a fazer das suas e a obrigar-nos a optar. Uns escolhem a serra, outros a história. Ambos fizemos uma boa escolha, estou certo.

A ambos, um grande abraço.
FA

João Paulo Meixedo disse...

Esse Miguel, sempre atento aos amigos ;)
Um abraço, Fernando.

tutta disse...

Olá Fernando, parabéns pela prova.
E concerteza se tu treinar um bocadinho mais, tu irá "voar" (no bom sentido é claro) nas provas.
Valeu.
Forte abraço.


tutta³³
www.correndocorridas.blogspot.com