terça-feira, 27 de abril de 2010

XXXIII Maraton Popular de Madrid


Sinais dos tempos

Gosto de fazer a Maratona de Madrid e a prova disso é que, desde 2002, esta foi a minha 6ª participação nesta Grande Prova.

Fazendo uma apreciação muito pessoal do evento, acho que as coisas boas que teve, já estiveram melhores. E as más, são questões de pormenor, mas que devem merecer mais atenção. Sinais dos tempos.

Com a introdução de uma Prova de 10 mil metros, foi notória a necessidade de impressionar os patrocinadores com uma “ boa fotografia” pois seria importante ter xis atletas em prova. Ora, sabemos que existem várias provas que já nasceram com este “figurino”. Mas esta, ao cabo de 33 edições em que a tal “boa fotografia” era , orgulhosamente, obtida à conta de maratonistas, em minha opinião ficou desfavorecida com esta solução. É maior a quantidade de atletas, mas menor a quantidade de maratonistas.

O kit de corredor também me pareceu mais fraquito. Davam-nos um saco que haveria de ficar completo com a t-shirt da prova. Para surpresa, esse saco continha um compressor para encher as rodas das bicicletas ! (É verdade que na maratona , às vezes nos falta o ar, mas não era caso para tanto,eheheh). A t-shirt, que até é gira, é enorme e não havia outro tamanho.

Os balões marca-passo para os diferentes andamentos, estavam todos juntos na linha da frente. Exceptuando um (das 3,15) que escapou antes do tempo e subiu(!) todos os outros “desapareceram” na frente da corrida. Nem o das 4h consegui ver mais.

A animação ao longo do percurso, principalmente na 1ª parte, não se notou e na 2ª, lá vimos umas gaitas de foles, uma camioneta da coca-cola com músicos e pouco mais. Já foi muito melhor conforme se pode ler em comentários que fiz nas edições anteriores.

Os abastecimentos foram suficientes. Água em cada 2,5km; água e isotónico em cada 5km. Não lhe ficaria mal que, na 2ª metade, houvesse, pelo menos um abastecimento de sólidos, pois muitos atletas contam com isso. Porém, nesta maratona tal abastecimento não tem sido habitual.

Percurso : aí, ano após ano, temos verificado algumas alterações mas, seja ele qual for, a orografia da cidade obriga a prolongadas subidas – que, de uma forma geral, são suaves, mas que “ganham inclinação” na razão directa do cansaço. Mas há também as descidas...

Mas o que é isto ???! só estou a pôr defeitos !?

Nada disso ! Muito bom ambiente, bom trato por parte dos organizadores, muito público em pontos-chave do percurso, uma boa zona de chegada num dos lugares mais aprazíveis da cidade, uma bonita medalha, muita água, sumos e fruta . Talvez não me tenha provocado o “deslumbramento” que já lhe conheci, mas aí posso ser eu que estou a tornar-me “exigente” para me “deslumbrar”.

7 comentários:

Vitor Veloso disse...

Olá Fernando,
Renovo os parabéns por mais uma Maratona.
Adorava e Espero um dia descrever a minha primeira Maratona, só tenho que decidir em participar, inscrever-me e curtir aventura!
Continuação de boa recuperação
Grande abraço
Vitor Veloso

Rodrigo Silva disse...

Fernando, foi um prazer encontrá-lo em Madrid. Pena que eu tivesse ido atrás dos "balões" e bem podiamos ter ido os dois até ao fim...Concordo inteiramente com o post, achei a prova durita mas com um ambiente fantástico ! Lembrei-me da maratona de Lisboa e o quanto nós portugueses somos diferentes na atitude perante os "herois da maratona". Abraço forte e até a proxima - Rodrigo

JH disse...

Fernando,

Completamente de acordo contigo, esta maratona já teve dias melhores, mas claro se o termo de comparaçao é Lisboa e com todo o respeito até porque sou Português deslumbra, mas comparada com outras ediçoes ... defrauda. A meu ver foi uma tentativa para fazer frente a Barcelona, mas à partida Barcelona já tinha a corrida ganha pois teve mais atletas à chegada que inscritos em Madrid... e a seguir assim no ano que vem nao tem nem 7000 atletas na chegada. Já fiz mais "Madrides" que tu e este ano já fui a treinar. Para o ano se calhar nem alinho ...
Abraço,
Joao

Ricardo Hoffmann disse...

Parabéns F.A. por mais uma maratona na conta. Muito bom seus apontamentos. Parabéns pela constância na prova. Minha estréia na distância será em menos de 1 mês. Saudações.

joaquim adelino disse...

Sei que quando corres não procuras a perfeição daquilo que envolve uma competição, isso não existe, corres porque tens a necessidade de o fazer, de estar entre as multidões, de ser mais um a emoldurar aquele ambiente fantástico das grandes corridas, pena é que tenhamos de o procurar londe das nossas portas porque aqui a motivação é cada vez menor, pese embora o esforço de alguns para contrariar a tendência.
Ainda assim pelo que relatas aquilo até esteve muito bem e desde que não falte a água (ai Lisboa, Lisboa)para mim é perfeito.
Abraço.

Rui Pena disse...

Parabéns Fernando por mais esta Maratona.

Embora não seja para os próximos tempos, também gostaria de ir a Madrid... Espero que esta retome o seu tempo áureo... e que contigo o possa partilhar.


Abraço,
Rui

ArtuRodrigues disse...

Parabens,pela prova,tive pena de não o ter visto,mas fiquei cá para tras,junto aos balões das 4 horas,por isso seria dificil o ver.Haverá outras oportunidades.
Abraço
ArtuRodrigues