terça-feira, 10 de março de 2009

Pensamento de Papagaio




Como existem mãos que à terra me prendem
Consigo trepar a escada do céu.
E sempre que resisto ao vento
Os meus ombros estremecem
Pedaço a pedaço sinto-me afundar
No seio do céu.

Como existem mãos que à terra me prendem
A terra suspende-se nas minhas cordas.


Makoto Ooka

Sem comentários: