sábado, 23 de maio de 2009

Levar a Corrida a bom Porto


Começo a ter dificuldade em não me repetir nas palavras, quando me quero referir às Corridas da Cidade do Porto. É que as palavras são muito mais limitadas do que a grandeza dos eventos que ali têm tido lugar. Estes, cada ano surgem com nova “pujança” com uma participação crescente, com uma credibilidade inquestionável; aquelas continuam a ser as mesmas, por mais adjectivos superlativos que lhes “colemos”.

Mas o que nunca é de mais dizer é que, graças à profissional, competentíssima e dinâmica acção da RunPorto, a Invicta, durante a última década, passou a apresentar um leque de provas para todos os gostos, ao longo do ano. A Corrida passou a ser vista de uma forma bem mais popular e o exemplo vai-se estendendo pelo País fora, contribuindo de forma contagiante, para que a população lusa adquira o “saudável vício de correr”.

No último Domingo, foi o estrondoso sucesso da Corrida da Mulher, com quase 15000 mulheres a participarem numa corrida solidária a favor da Liga Portuguesa Contra o Cancro. Não estive lá, mas sei de quem lá esteve e nos contou as emoções do que é estar por dentro de um pelotão “cor-de-rosa” e vi as imagens impressionantes de milhares de “glóbulos rosa”(mas sem “anemia”) a circularem nas “artérias” da cidade, levando-lhe vida.

Ao Jorge Teixeira e ao pessoal da RunPorto, embora com algum atraso, não queria passar sem expressar o meu contentamento pelo sucesso e dar um grande abraço de felicitações.

1 comentário:

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Pois eu estive lá... obrigada pela referência Fernando.

De facto, a par de outros eventos a que a Runporto já nos habituou ao nível da excelência, é a Sport Zone Corrida da Mulher, um caso de sucesso.


Um beijinho e até breve (o tempo escasseia... e ando um bocado afastada destas lides... mas o Cidadão tem sempre de ser visitado, mesmo que entre e saia, sem deixar marca)

Ana Pereira