sábado, 9 de maio de 2009

Revista Atletismo



Todos os que estão na modalidade, ainda que não sejam assinantes, conhecem a Revista Atletismo ( bem como o seu suplemento “Mundo da Corrida”), que tem a sua publicação no início de cada mês.

Confesso que há meses em que, se me escapa a oportunidade de a ler (ou folhear) quando ela me chega às mãos, passa o tempo e acabo por não lhe dar a atenção devida.

Não foi o caso do último número, todo ele cheio de matéria interessante, que prendeu a minha atenção e que por isso considero recomendável a leitura. Permito-me destacar :
-Os Editoriais do Prof. António Campos e do Director da Revista António Manuel Fernandes, sobre o “estatuto” que a Corrida está a ter na sociedade portuguesa; sobre o Momento Alto do nosso Atletismo com a Organização do Campeonato da Europa de Equipas em Leiria em Junho; Entrevista com a nossa maratonista do momento Marisa Barros, da autoria de António Flor e com a marchadora Ana Cabecinha, por Arons de Carvalho; o dossier técnico do Prof. João Abrantes e um artigo de opinião de António Nobre, “ A crise de valores no Atletismo”.
Surgem depois as reportagens sobre a 4ª Corrida do Benfica; Grande Prémio Rui Silva;Corrida do Metropolitano de Lisboa; 12Km de Salvaterra; Grande prémio da Páscoa de Constância (onde não foi esquecida a homenagem à Margarete, conforme texto que fiz na altura; Corrida dos Sinos; Grande Prémio Comendador Rui Nabeiro; Meia Maratona Patrimónios Mundiais-Vila Nova Foz Côa; Meia Maratona Cego do Maio, na Póvoa de Varzim.
Do correio dos Leitores, a denúncia oportuna do Linda-a-Pastora S.C., de um batoteiro na Meia de Lisboa e um “ tiroliroliro” a propósito da mesma Prova (hum…).
Manuel Sequeira escolheu para “Atleta de Pelotão a veterana da União de Tomar, Carolina Feliz e o Beja Atlético Clube, como Clube de Pelotão.
Vêm depois os conselhos técnicos de Yara Ochoa da Revista Contra Relógio (adaptada por Manuel Sequeira) em que são também entrevistadas algumas figuras conhecidas como é o caso da minha colega de equipa Tânia Machado, dos nossos amigos José Neves (O Zen dos Trilhos Míticos) Alexandre Beijinha (Organizador da Corrida do Mirante-Ota), Margarida Pinto, Sílvia Coelho e António Oliveira.
O “Site à Lupa”, rubrica com que o José Duarte “espia” a blogosfera, é dado destaque precisamente aos Trilhos Míticos e à Juventude Operária de Monte Abraão(JOMA).
Ainda um interessante artigo sobre a Hipotermia.
Finalmente, há uma incursão nas Corridas de Montanha, por António Matias; Triatlo, por António Manuel Fernandes e Orientação, a cargo do Joaquim Margarido, que tem o especial condão de “prender” o leitor aos seus textos.

Ufff, estava a ver que não acabava o “sumário” desta edição da Revista Atletismo e fico a pensar o que me terá dado para me pôr a fazer isto ? Ora, se toda a gente lê a Revista, qual o interesse deste post? Olhem… foi o meu dia! Mas já que está…

...e eu que amanhã tenho uma maratona para fazer!

5 comentários:

joaquim adelino disse...

Foi para descomprimir e aliviar.
Bom descanso, e boa corrida,
Abraço.

joaquim adelino disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Que política em Campolide disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Que política em Campolide disse...

Quando a lista é extensa e começamos com nomeações, corremos sempre o risco de “deixar” alguém para trás. E hoje, neste teu dia, foi o caso.

Não sendo um colaborador oficial da Revista, de vez em quando sai uma croniqueta da minha autoria. E eis, se não quando, eu a pensar que ia ter os meus dois minutos de fama através deste super blogue e, opss!

Ao seu mentor escapasse-lhe a minha crónica (página 16) com uma bela fotografia com os meus amigos do Norte em cadeira de rodas!

Há dias assim…

Um grande Abraço!

Orlando Duarte

Fernando Andrade. disse...

Meu Grande amigo Orlando Duarte
Mil desculpas pela omissão de um texto que tanto gosto teria em referir.
Confesso que não tinha dado por ele quando desfolhei a revista (logo que vi em que é que me tinha metido ao querer abordar todos os temas). Pensei que toda a página fosse do Manuel Sequeira, com a reportagem do G.Prémio Rui Nabeiro.
Mas diga-se que o teu nome também ficou um bocado escondido.Sabes que eu era homem para te dar destaque no "super blogue",eheheh, pois tu bem o mereces.
Grande abraço
(logo isto tinha de acontecer contigo...)