segunda-feira, 15 de novembro de 2010

36ª Meia Maratona Internacional da Nazaré

Momentos antes da partida
Com um grupo de amigos bloggers (Nuno Sebastião, Luis Mota, Mário Lima, Vitor Ferreira e Joaquim Adelino)

Lá estive, mais uma vez, na Nazaré e cumpri a 36ª edição beneficiando do excelente ambiente que a envolve: Música, muitos amigos, cenário deslumbrante.

Depois de uma semana de “jejum” no que a treinos diz respeito, exceptuando meia hora ligeira na véspera, ainda sentia a mesma confiança com que enfrentei a Maratona do Porto na semana anterior. De qualquer forma, não era minha intenção arriscar muito. O que eu pretendia era marcar presença e fazer uma prova tranquila. Gostei da gestão que fiz até ao retorno de Famalicão. Isso permitiu-me fazer o resto da Prova sem sentir a quebra que quase sempre me acontece por volta dos 14Km, quando me entusiasmo no início. Andei sempre abaixo dos 4,50, tendo terminado com 1,38,04 (1,37,15 tempo líquido), quase 5 minutos mais rápido que em 2009. Todos os resultados estão aqui.

Tive, depois, a oportunidade de confraternizar com a rapaziada da Organização e ouvir algumas estórias de edições passadas, por parte de quem, de forma voluntariosa e empenhada, conta com uma experiência enriquecedora de 35 anos, a organizar uma Meia Maratona de eleição, a inovar, a corrigir as coisas que falham. Foi uma honra conhecer de perto (e contadas pelos protagonistas de sempre) a Meia da Nazaré, na vertente humana, de quem a criou e segura. Já era noite escura quando saí da Nazaré, com a sensação de ter feito uma agradável viagem aos primórdios do atletismo popular.



7 comentários:

José Xavier disse...

Fernando;

Mais uma das muitas e boas corridas. Parabéns, pois é como o vinho do Porto, quanto mais velho, vai sendo melhor!!!

Pois a minha na Nazaré já foi à cerca de 33 anos, e não imaginava eu retornar a fazer corridas de atletismo de estrada, tantos anos depois e agora nesta nova fase já cá cantam 10 1/2 maratonas.

Sobre Roterdão, deixa que eu vejo os voos Low-Cost no momento, e o resto não te preocupes...volto ao assunto.

Um abraço dos
Xavier's

V. Ferreira disse...

Grande prova amigo Fernando.
Está a rejuvenescer de dia para dia.
Parabéns e obrigado pela companhia.
Um abraço

Fernando Andrade. disse...

Caro Xavier
Obrigado pelas felicitações. É a marca possível, por parte de quem não pode -nem quer- arriscar muito.
Roterdão!? Oh, Roterdão...

Caro Vitor
Obrigado também pelas palavras. Foi um prazer aquele breve encontro.

Abraço a ambos.
FA

Jorge Branco disse...

Vou apanhar tautau! Fugi à “mãe” e fui para os Casainhos “brincar” na lama!

Fernando Andrade. disse...

Amigo Jorge
Vou ficar caladinho e não digo nada à Mãe, mas para a próxima, já sabe.
Grande abraço.
FA

Mário Lima disse...

Fernando

Na corrida vi-te à partida e no retorno. Para quem pensava ter-te a meu lado muito tempo enganei-me. Afinal de tantas Maratonas correres uma meia é quase um aperitivo.

:))

Boa prestação, um bom tempo ainda com o condão de teres feito menos 5' que o ano passado, para quê mais conversa? Olha, vamos ao mar ver o Tonho!

:))

Abraços Fernando quem corre como tu, merece bem o descanso, até à próxima maratona que já está aí.

:))

tutta disse...

Parabéns pela prova Fernando.
Abraço.


tutta/ubiratã-pr.
www.correndocorridas.blogspot.com