segunda-feira, 21 de junho de 2010

Corrida das Festas da Cidade

Todas as provas têm o seu percurso buscando a perfeição inatingível. Mas algumas aproximam-se de tal maneira que o pouquinho que falta (que nem se sabe bem o que é) torna-se desprezível . Foi atingido um padrão de qualidade tal que, tentar fazer melhor é “inventar” e correr riscos desnecessários.
Para a Runporto a Corrida das Festas da Cidade, acaba por ser apenas mais uma das suas excelentes provas, pois trata-se de uma Organização que não se “assusta” com uma multidão que se sente bem tratada, nem com uma elite capaz de bater recordes. Ganhou um “traquejo” e um “automatismo” que garantem aos participantes nas suas provas, a qualidade desejada.
Sempre que possa, lá estarei e recomendo a todos que o façam e testemunhem o que digo. Bem sei que, para alguns, existe a má memória da antiga Corrida de S. João, mas isso corresponde à “pré-história” da corrida na invicta.
Estive lá e, com grande prazer, encontrei vários amigos, com quem pude confraternizar na véspera, durante e depois da prova. E se sabe bem encontrar amigos e estar com eles, não posso deixar de assinalar a grata sensação de ser abordado simpaticamente, por outros que se dão a conhecer porque sabem do “cidadão de corrida”. A grande magia da net a alargar os nossos horizontes ( ou a tornar o mundo mais pequeno?).
1.11,30 foi o tempo que demorei a fazer os 15 Km daquele lindíssimo percurso na margem direita da foz do Douro, agora com um bocadinho menos de empedrado, pois levou um tapete novo.
Parabéns à Runporto por mais este sucesso. Bem haja pelo que tem feito pela Corrida.

13 comentários:

José Xavier disse...

Caro Fernando;

Quando se participa numa prova e a organizacão está à altura é sempre bom voltar.
Parabéns.

Um abraço
José Xavier

Vitor Veloso disse...

Amigo Fernando,
Ainda bem que tudo correu ás mil maravilhas, sempre de bom agrado quando assim acontece.
Esteve bem na sua prova, parabéns.
Abraço
Vítor

Novais disse...

Apesar de nunca ter deixado nenhuma mensagem no blog , não deixa de ser um dos blogs que gosto de visitar, por isso foi com muito prazer que no meio de tanta gente aquela camisola do Banif não deixa de passar desprecebida a quem frequenta nem que seja de passagem pelo seu blog, foi um prazer trocar essas poucas palavras com sigo durante a corrida.

joaquim adelino disse...

Muito bem Fernando, a opção foi boa e a marca conseguida revela uma boa condição física. Para mim essa prova estava tapada pela Reixida mas espero um dia estar lá.
Aproveito para te propôr a saída no próximo Sábado ás 14,30h aqui de Santa Iria da Azóia.
Abraço

Fernando Andrade. disse...

Olá amigo Xavier.
De facto, quando a Organização se escreve com um "O" grande, não há como voltar-lhe as costas.Ela trabalha para nos prestar um bom serviço.Nós corremos como paga e como prémio.
Obrigado pelas suas palavras.

Caro Vitor
estamos perante uma prova com a chancela "Runporto". Não é preciso dizer mais nada. Obrigadão pelas palavras.

Amigo Novais
Fico feliz por me ter abordado por volta dos 12km. Porém, não tive pernas para o acompanhar. Foi um prazer.

Amigo Adelino
"Andas-lhe a dar" com força, rapaz!!! De certeza que não vou conseguir aguentar-te na Freita.
Aliás, acho que ainda não avaliei bem onde me vou meter, mas concordo com o horário que propões.

A todos agradeço as palavras e envio um grande abraço.
FA

MPaiva disse...

Fernando,

Gostei muito de ter estado contigo e só tenho pena de não ter tido o discernimento de te acompanhar durante a prova. Talvez tivessemos chegados juntos à meta!

abraço
MPaiva

luis mota disse...

Olá Fernando!
Uma maravilha correr no Porto.
Estive para marcar presença na prova mas, devido a ir para Guimarães não consegui inscrever-me.
Esta é daquelas que quero marcar presença.
Grande abraço,
Luís Mota

Fernando Andrade. disse...

Olá Luis
Foi pena não teres vindo, mas outras oportunidades virão. Também é bom conhecer-se o que se faz noutras paragens.
Agraço.
FA

Mário Lima disse...

Fernando

Como tu muito bem descreves e a "chamada" de atenção desta prova nada ter a ver com a tal "Corrida de S. João" que tive o privilégio de participar quando era responsável da mesma, o professor José Pedrosa. Quando lhe deram um pontapé no traseiro e um "douto" senhor Nuno Cardoso, Presidente da Câmara resolveu entregar a organização aos "doutos" senhores da autarquia foi a barraca que se viu e eu descrevi só por alto pois a realidade no terreno foi bem pior que o provável businão pela implementação das portagens nas SCUT's.

Eu sou nortenho, sei bem o quanto um nortenho tem de escárnio pelos "doutos" lesa-pátria, e o valor que o S. João tem para eles. A machadada dada ao nome de uma prova que era tão do seu carinho, substituindo-a pelo das Festas da Cidade, levou o seu tempo a entrar na roda das provas preferidas.

Felizmente hoje, pelo que aqui leio de ti, está bem viva e recomenda-se. Os da "Antiga, Mui Nobre, Sempre Leal e Invicta" cidade do Porto, merecem isso.

Abraços!

Fernando Andrade. disse...

Grande Mário.

Não sei, em pormenor, o que se terá passado com a "extinção" da Corrida de S. João, mas a verdade é que, quando a entregaram à actual organização, prestaram um bom serviço à modalidade. Há que salientar que uma Prova não pode estar totalmente dependente do Município (e, ao que parece é o que dantes acontecia). Agora há um grande trabalho na negociação com patrocinadores poderosos, que, por verificarem um bom retorno, vão depositando total confiança na organização.
Quanto ao nome, Corrida das Festas da Cidade, para evitar confusões com a antiga prova, penso ser secundário pois ela disputa-se no S. João, mas, provavelmente, a Organização, passados que foram 10 anos, estará a ponderar retomar-lhe o nome.

Grande abraço.
FA

Anónimo disse...

Olá Fernando, estou encantado com a sua descrição da prova do Porto, também lá estive e cruzei-me consigo cerca dos 8-9 km + ou - também apoio tudo o que disse, é defacto uma prova especial, mas já o era antes, pois participei nela no ultimo ano organizada pela nossa CAMPEÃ Rosa Mota e o sr. Pedrosa. E foi das provas em que tinha participado até essa altura das melhores em todos os aspectos. Até os dorsais nos enviaram para a nossa morada, para não estar-mos a deslocar-mo-nos o dia anterior. Para quem vai de Mem Martins é um pouco mais complicado.
Quanto ao seu blogue visito muitas vezes, e desde já lhe dou os meus sinceros parabens pois o amigo Andrade tem geito prá coisa. Então na poésia tem que se lhe diga. Nunca disse nada aqui não é que não tenha vontade, mas tenho pouca pachorra para estar ao computador, quando estou mais um pouco começo a ter bichos carpinteiros ((deve saber o segnificado)), mas posso lhe dizer que tenho aprendido muito no seu blogue. Um abraço Mário Lameirão

tutta disse...

Parabéns pela prova Fernando.
Abraço e tudo de bom a você.


tutta

Fernando Andrade. disse...

Amigo Mário Lameirão
Peço desculpa por só hoje ter lido o seu amável comentário à Corrida das Festas da Cidade do Porto e quero agradecer-lhe a visita a este espaço.
Já conheço o seu nome há muito tempo, mas ainda não tive o prazer de o conhecer pessoalmente. Esperemos que numa próxima oportunidade isso aconteça.
Grande abraço.
FA

Amigo Tutta

obrigadão pelas felicitações.Abraço.
FA